Explosão destrói Usina Termoelétrica em construção em Middletown, matando 5 pessoas e ferindo outras – 07.02.2010

fevereiro 24, 2010 at 3:04 pm Deixe um comentário

Dia 07.02.2010 às 11h17 EST ocorreu uma grande explosão na usina termo elétrica que a Kleen Sistemas de Energia em Middletown, Connecticut, Estados Unidos, está construindo. Relatórios preliminares atribuíram a causa da explosão a um teste de sistemas da usina.

Esta usina está em construção desde fevereiro de 2008, e estava programada para começar a fornecer energia em junho de 2010. Embora os relatórios iniciais estimassem em até 250 pessoas feridas na explosão, o número de feridos acabou sendo de 27.

A polícia havia informado inicialmente que dois trabalhadores morreram, mais depois retirou essa afirmação, citando uma má interpretação. O gabinete do prefeito de Middletown divulgou mais tarde um comunicado dizendo que cinco pessoas morreram na explosão.

O Federal Bureau of Investigation (FBI) disse que não estava investigando o incidente como tendo sido um ataque terrorista, e que não havia nenhuma evidência para sugerir que tivesse sido um.

A explosão ocorreu na usina de ciclo combinado a gás natural de 620-megawatt, fornecida pela Siemens. Uma usina deste tipo é composta por turbinas acopladas a geradores, neste caso turbinas a gás, cujo escapamento é conduzido às caldeiras de recuperação que geram vapor para o segundo ciclo da usina, composto por turbo geradores a vapor.

A explosão ocorreu na área que fica entre estas duas caldeiras de recuperação e atingiu toda a casa de força que sofreu pesados danos e cuja cobertura lateral foi em grande parte destruída. Nas fotos o espaço onde ocorreu a explosão pode ser visualizado facilmente, pois fica entre as duas chaminés.

O gerente da usina, Gordon Holk, disse que os empreiteiros e outros trabalhadores de O & G Industries, Ducci Elétrica e Mecânica Elétrica Keystone estavam no local quando a explosão ocorreu.  Foi relatada a ocorrência prévia de chamas provenientes de uma tubulação de gás, que se mantiveram até que o gás foi desligado.

A explosão ocorreu na parte de trás da maior construção do complexo (hall do prédio da turbina), que foi severamente danificado.  Alguns moradores relataram tremores tipo terremoto sentidos até 16 km de distância, embora a explosão não tenha sido sismicamente detectável. Outros moradores da área relataram que era mais como um estrondo sônico.

Os feridos foram atendidos em hospitais locais. O pessoal de socorro de emergência e cerca de 20 ambulâncias acorreram ao local logo após a explosão. Helicópteros foram usados para o transporte de vítimas, enquanto equipes de busca e salvamento vasculharam os escombros com cães treinados. Um representante do Hospital Middlesex, em Middletown, disse que estava recebendo pacientes da explosão. Pelo menos uma vítima também foi levada ao Hospital Hartford.

Por volta da 1h30, hora local, pelo menos 100 bombeiros estavam no local e o fogo foi extinto. A Governadora de Connecticut, Jodi Rell, foi mantida informada pelas autoridades e engajou o Centro de Gerenciamento de Emergência do Estado. Mais tarde ela viajou para o local da explosão.

A Polícia Estadual de Connecticut disse que estavam sendo enviados detetives para investigar a explosão. Funcionários do resgate retiraram os repórteres da usina sinistrada, pois poderiam ocorrer vazamentos de materiais perigosos.

Pessoal da Força Tarefa Anti Terrorismo também compareceu ao local da explosão, mas só foram lá para acompanhar como os funcionários do governo local conduziam o inquérito.

O Federal Chemical Safety Board (Conselho Federal de Segurança Química) enviou uma equipe de sete pessoas para o local. Eles deveriam ficar na usina sinistrada até segunda-feira, dia 8 de fevereiro, mas o seu acesso acabou sendo negado…

O prefeito de Middletown disse que a usina será reconstruída, declaração esta confirmada por um funcionário da Kleen Energy, que disse que a construção será retomada uma vez que a investigação sobre o incidente tenha sido concluída.

O inquérito sobre o incidente começou um dia após a explosão, e está sendo conduzido no local dos acontecimentos pelas agências estaduais e federais envolvidas. A expectativa é de que as investigações se concentrem na possibilidade de ter ocorrido erro humano ou que os protocolos de segurança aplicados tenham sido insuficientes. Em particular, de acordo com o Bombeiro-Chefe local, o inquérito irá analisar se a energia elétrica foi cortada na área, se os trabalhadores tinham sido evacuados antes da purga da linha de gás, e se havia alguma fonte de ignição no local.

Vários dias antes da explosão, o Conselho Federal de Segurança Química aprovou novas recomendações sobre a purga de linhas de gás nos Estados Unidos após uma explosão em uma fábrica de alimentos na Carolina do Norte em 2009, que matou quatro pessoas. Apesar do interesse do Conselho Federal de Segurança Química no caso, um porta-voz seu disse em 9 de fevereiro que o acesso para sua equipe de investigadores ao local da explosão foi negado, com o fundamento de que a área era a cena de um crime…

Entry filed under: Sem-categoria.

Dia quente em São Paulo, dois grandes incêndios em indústrias iluminam a noite – 24.11.2009 Fogos de artifício provocam incêndio em antigo portal da Cidade de Zhengding na Província de Hebei na China – 18.02.2010

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


fevereiro 2010
S T Q Q S S D
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728

Blog Stats

  • 94.062 hits

Páginas

mais acessados

  • Nenhum

%d blogueiros gostam disto: