Acidente arrasa a maior usina hidrelétrica russa causando mais de 70 mortes – 17.08.2009

agosto 27, 2009 at 1:49 pm 2 comentários

russiasayano99Uma catástrofe ocorreu no dia 17.08.2009 na usina de Sayano-Shushenskaya no rio Yenisei, localizada na região siberiana de Khakassia. Esta usina, que foi privatizada, pertence à empresa RusHydro e os seus 6400 MW de potência instalada e 23,5 TWh de produção média anual são responsáveis por um quarto da energia produzida por esta empresa. O grande consumidor desta usina é o maior produtor mundial de alumínio a United Company RUSAL.

A gigantesca barragem tem 245 metros de altura, 110 metros de espessura e um quilômetro de comprimento (1066 m) e foi inaugurada em 1978, aloja 10 unidades geradoras.

O acidente foi registrado por um vídeo amador que mostra o exato momento em que a casa de força é parcialmente destruída por uma enorme onda que se projeta por vários metros de altura. A grande quantidade de água inundou toda a casa de força matando quem lá estava.

Num outro trecho deste vídeo, feito quando a água ainda entrava na usina, se pode ver a incrível devastação da unidade geradora onde, ao que tudo indica, ocorreu o problema cuja causa ainda é objeto de especulação. Fato é que a turbina foi totalmente destruída e o estator do gerador simplesmente sumiu. Veja este importante registro:

Por outro lado um transformador também foi destruído causando um enorme vazamento de óleo que assumiu as proporções de uma mancha com cinco quilômetros no Rio Yenisei.

Ainda não foi determinada a seqüência de problemas que construiu esta catástrofe. Os indicadores apontam para várias situações todas elas de grande gravidade. Fazendo um estudo de alternativas podemos citar:

a) A turbina destruída pode apontar para um dano mecânico maior como a quebra de várias travessas do pré-distribuidor que podem ter causado a parada repentina da turbina e um conseqüente golpe hidráulico no conduto forçado que pode ter se rompido causando a inundação. Isto poderia ter levado o transformador a explodir.

b) A alternativa de ter ocorrido um dano maior em um dos elementos de um dos transformadores que geralmente são compostos por um banco trifásico de transformadores monofásicos poderia ter resultado em um curto circuito monofásico maciço no gerador que teria causado o seu travamento. Isto justificaria a destruição registrada no gerador. Neste caso o gerador teria travado a turbina que por sua vez teria levado ao golpe hidráulico que destruiu a parte final do conduto forçado.

c) Também se especula que uma explosão no transformador poderia ter causado a ruptura da parede do conduto forçado e dai ter desencadeado a inundação da casa de força.

d) O disparo da unidade geradora também é uma hipótese. Neste o comando e o funcionamento do distribuidor, componente que regula o fluxo de água na turbina, deve ter falhado levando a unidade à uma altíssima rotação com sua conseqüente destruição, bloqueio d’água e golpe hidráulico.

e) Na falta de um esclarecimento oficial a população vizinha não descarta a possibilidade de um atentado ter causado todo o estrago. Esta alternativa é veementemente descartada pelas autoridades russas.

Vejam fotos do antes e do depois e impressionantes detalhes da ação de forças de incrível magnitude que estraçalharam pesados equipamentos da usina e lavaram concreto armado como se fosse areia:

Não se pode descartar uma nefasta combinação de acontecimentos que provocou uma reação em cadeia que em frações de segundo propiciou condições para a destruição que veio a ocorrer. É de se esperar que as causas reais desta catástrofe levem tempo para ser levantadas. No momento as informações incompletas que vão sendo liberadas não permitem que uma relação de causas e efeitos seja estabelecida para esclarecer o que levou a esta catástrofe.  Por outro lado é voz corrente no ramo hidroelétrico mundial que as condições de manutenção de usinas russas deixam muito a desejar, isto acrescentaria uma série de outras causas plausíveis.

Em uma análise inicial as autoridades locais afirmaram não existir risco de a barragem colapsar, portanto não há perigo para a população que mora a jusante da barragem.

Veja a reportagem da Reuters realizada no dia do acidente:

No início do vídeo seguinte do Jornal alemão Die Welt são mostradas imagens de arquivo da usina mostrando a sua magnitude:

Entry filed under: Sem-categoria.

Avião pega fogo ao aterrissar em Mashhad no Irã e mata e fere vários ocupantes – 24.07.2009 Combatendo fogo nas florestas do Canadá

2 Comentários Add your own

  • 1. João Marra  |  agosto 30, 2009 às 3:48 pm

    Dear Srs.

    Congratulations for the excellent reporter about this severe accident. Could you inform if this power plant has intake gates on the penstock? In positive case, the intake gates of the affected turbines closed after the fault?

    Best Regards

    Responder
  • 2. segurancaemrisco  |  setembro 1, 2009 às 2:24 pm

    Dear Mr. João Marra,

    We will answer in English following the language you used, but please feel free to write in Portuguese also.

    Yes, this power plant had penstocks intake gates, but the accident caused a complete power plant’s systems black out.
    The chronology of the accident may elucidate your question a bit more, as per information we received via e-mail recently. The accident occurred on 17 August 2009 at 08h13 local time (00h13 GMT). There was a loud bang from turbine № 2, after which water spouted from the vicinity of the turbine into the machinery hall. As a result, the machinery hall was flooded. At the same time, an alarm was received at the power station’s main control panel, and the power output fell to zero, resulting in a local blackout. The steel gates to the water intake pipes were closed manually at 9h20. The emergency diesel generator was started at 11h32. At 11h50, the opening of spillway gates was started. The opening of all 11 spillway gates was finished at 13h07.

    Best regards
    Alexander Gromow
    Editorial Council – Site Segurança em RISCO

    Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


agosto 2009
S T Q Q S S D
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  

Blog Stats

  • 94.768 hits

Páginas


%d blogueiros gostam disto: