Archive for julho, 2009

Avião pega fogo ao aterrissar em Mashhad no Irã e mata e fere vários ocupantes – 24.07.2009

_46110455_iran_mashhad0709Um avião de passageiros irrompeu em chamas na aterrissagem em um aeroporto no norte do Irã, matando pelo menos 17 passageiros, conforme relatado pela mídia estatal iraniana.

O avião em chamas derrapou para fora da pista do aeroporto da cidade de Mashhad, disse a agência noticiosa IRNA. Pelo menos outras 19 pessoas ficaram feridas no incidente e os passageiros restantes foram evacuados. O acidente ocorreu 10 dias após outro acidente de avião no norte do Irã, no qual 168 pessoas morreram.

xin_5120706250645312134783O avião da Aria Airlines envolvido no incêndio de sexta-feira dia 24.07.2009 partiu de Teerã com destino a Mashhad com 153 pessoas a bordo. Tratava-se de um avião Ilyushin de fabricação russa.

“Todos os mortos e feridos e os demais passageiros foram retirados do avião sinistrado e o fogo foi totalmente controlado”, disse o funcionário provincial Ghahraman Rashid. O senhor Rashid disse que 17 pessoas haviam sido mortas e 21 feridas, mas, mais tarde, a televisão estatal relatou a números menores.

xin_5120706250645578124455O Irã tem um registro de segurança aérea notoriamente má. As sanções impostas ao país pelos EUA significam que tanto companhias aéreas públicas como privadas operam com frotas envelhecidas e enfrentam problemas no abastecimento peças de reposição, diz Jon Leyne da BBC.

Em 15 de Julho, todos os 168 passageiros e tripulantes a bordo de um avião Tupolev Tu-154 da Caspian Airlines morreram em um acidente na província de Qazvin, a cerca de 120 km a noroeste de Teerã. Este incidente foi o terceiro acidente com vítimas de um Tupolev Tu-154 no Irã desde 2002.

O vídeo mostrado na televisão iraniana mostrou o avião cercado por veículos de emergência com o cockpit destruído. As causas do acidente ainda não são conhecidas, mas a mídia estadual oficial citou um representante do aeroporto dizendo que tinha havido “uma falha técnica”. Veja este vídeo (que foi fornecido sem áudio):


http://www.vimeo.com/5810717

Anúncios

julho 29, 2009 at 12:42 pm Deixe um comentário

Família é retirada de carro em chamas nos EUA por bombeiros que estavam de folga – 22.07.2009

Um acidente na cidade americana de Milwaukee, estado de Wisconsin, EUA, parecia condenado a terminar em tragédia.  Um carro derrapa, sai da pista, bate em uma árvore e tomba, logo é preso das chamas e uma família fica presa dentro. Por sorte dois bombeiros que estavam de folga, alertados pelas esposas acorreram ao local.

Eles enfrentaram o fogo e o risco de explosão e conseguiram retirar a mãe e dois filhos do veículo. Tiveram que quebrar o pára-brisas para tirar os ocupantes do carro e por pouco um menino de 4 anos fica no veículo sinistrado. Ele foi visto pelos bravos bombeiros quando eles já estavam se afastando do veículo devido ao risco iminente de explosão.

Humildemente um deles disse que neste caso eles sabiam que iriam se queimar e ganhar alguns cortes e arranhões, mas eles estavam focados nas crianças. Ele arrematou: -“Não achamos que somos heróis, o que ocorreu é que, por sorte, nós estávamos no local certo na hora certa.” Vejam vídeo veiculado pelo UOL e preparado pela BBC Brasil:

http://www.vimeo.com/5729070

julho 23, 2009 at 2:20 pm Deixe um comentário

Caminhão de transporte de cana de açúcar pega fogo e causa explosões – 19.07.2009

Um caminhão de transporte de cana de açúcar se incendiou na tarde do domingo, dia 19.07.2009, na rodovia Anhanguera (SP-330), próximo ao trevo da cidade de Igarapava (SP). Por volta das 16h05, o motorista parou o veículo em frente ao posto da Polícia Militar Rodoviária da via do km 448.

Ao ver as chamas, outro motorista que transitava na estrada estacionou no acostamento para ajudar. Com três extintores, os dois condutores e o soldado da PMR – Polícia Militar Rodoviária – Valdir Martins tentaram conter o foco de fogo, mas se afastaram quando o calor começou a causar explosões no veículo.

O tráfego nos dois sentidos da estrada foi bloqueado por alguns minutos, em função do risco de novas explosões. Um caminhão-pipa da usina COSAN, para quem o veículo queimado prestava serviço, segundo a PMR, foi acionado para apagar o fogo. Por volta das 16h30, as chamas foram extintas, mas já haviam atingido todo o caminhão.

O incidente aconteceu na faixa que leva à divisa do Estado com Minas Gerais. Ninguém ficou ferido.

Este sinistro mostra as conseqüências que podem advir para a circunvizinhança do local onde um dado sinistro ocorre. Neste caso o incêndio fez com que os grandes tanques de combustível se rompessem e vertessem óleo diesel.

O combustível do caminhão sinistrado escorreu, em chamas, pela canaleta de contenção de águas pluviais ao lado da rodovia aumentando em muito a área atingida pelo fogo, além de causar contaminação ambiental. Segue-se uma apresentação de fotos veiculadas pelo Site Terra:


http://www.vimeo.com/5717570

julho 23, 2009 at 1:35 pm Deixe um comentário

Incêndio em prédio residencial de Sta. Cecília em São Paulo/SP causa mortos e feridos – 20.07.2009

20_MHB_sp_fotoincendioDe acordo com o Grupamento Aéreo da Polícia Militar, o fogo começou por volta das 12h30 e foi controlado cerca de duas horas depois. O imóvel fica na Rua Barão de Campinas, em Santa Cecília. Doze equipes de combate foram até o local para apagar as chamas. De acordo com os bombeiros, o fogo atingia um andar do prédio de número 787.

O helicóptero Águia, da Polícia Militar, foi para o local para ajudar no resgate às vítimas, e pousou na própria rua. Segundo a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) a Rua Barão de Campinas foi totalmente interditada na altura da Alameda Glete para o trabalho dos bombeiros e o pouso do Águia. Não havia registro de problemas no trânsito da região.

1269663-5228-atm17Segundo a corporação, um dos moradores do edifício faleceu depois de se jogar do último andar para tentar fugir das chamas. Outras três pessoas, entre elas duas crianças, ficaram intoxicadas. Elas foram encaminhadas aos prontos-socorros dos hospitais Santa Casa e Tatuapé.

A Santa Casa de Misericórdia de São Paulo confirmou na tarde de 20.07.2009 a morte da segunda vítima do incêndio. A mulher, de 43 anos, sofreu uma parada cardiorrespiratória e não resistiu.

O capitão Sidnei Turato afirmou que encontrou mais de um botijão de gás em diversos apartamentos, o que seria inadequado para esse tipo de construção. “É perigoso porque um botijão tem que estar em local ventilado para o gás escoar em caso de vazamento”, disse o bombeiro.

Segundo o secretário de Controle Urbano de São Paulo, Orlando de Almeida, o prédio inteiro pertence a apenas um proprietário e todos os ocupantes dos 70 apartamentos pagam aluguel. A responsabilidade civil pelo incêndio cabe ao proprietário, segundo Almeida. Veja detalhes do sinistro no vídeo preparado pela GLOBO para o SPTV, que foi veiculado pelo Portal G1:


http://www.vimeo.com/5704198

Os elevadores foram inundados e a rede elétrica foi danificada pela água usada pelos bombeiros na contenção das chamas. Os moradores ficaram impedidos de entrar no prédio até que a situação fosse sanada. Segundo Almeida, a medida visou prevenir curtos-circuitos que ocorreriam caso a energia do prédio fosse ligada novamente de maneira intempestiva.

A Defesa Civil foi para o local realizar inspeções no edifício para decidir se interdita ou não o imóvel. Segundo técnicos, não houve danos à estrutura do edifício, apenas rachaduras nas paredes dos apartamentos atingidos. Veja cenas aéreas do sinistro preparadas pela BAND News e veiculadas pelo Terra:


http://www.vimeo.com/5704322

julho 22, 2009 at 5:44 pm Deixe um comentário

Acidente provoca explosão de caminhão tanque e queda de viaduto rodoviário em Hazel Park, Michigan-USA – 15.07.2009

Foto-04aUm carro causou uma devastadora reação em cadeia no ponto em que a Estrada Nine Mile passa sobre a Rodovia I-75 em Hazel Park próximo a Detroit, Michigan, EUA. O resultado final foram danos de grande monta. Felizmente, todos os envolvidos sobreviveram. Foi nada menos que um milagre e é por isso que muitas pessoas acorreram ao local para se certificar do ocorrido.

Foto-10aOs carros envolvidos no acidente trafegavam pela I-75. Um caminhão-tanque com reboque-tanque acabou batendo e explodiu na noite de quarta-feira dia 15.07.2009 perto de destruindo parte do um viaduto pelo qual passa a Estrada Nine Mile, que conecta importantes centros de compras e serviços daquela região. Chamas e nuvens de fumaça de cerca de 60 metros se formaram no local. Vejam o vídeo preparado pela BBC Brasil e divulgado pelo UOL:


http://www.vimeo.com/5689325

Foto-03aEste viaduto havia sido interditado no ano de 2008 por quatro meses para reforma e, naquela oportunidade, o comércio da região foi bastante afetado pela interrupção da Estrada Nine Mile. O temor agora é de danos maiores às empresas afetadas, com risco de desemprego e quebradeira.

Foto-01aOs trabalhos de reconstrução, que começam pela demolição da estrutura restante do viaduto, foram iniciados logo após da remoção dos veículos acidentados e deverão ser mantidos dia e noite até concluída a reconstrução. Ainda não há uma estimativa completa para a conclusão da reconstrução. Os comerciantes da região já começam a contabilizar seus prejuízos… No vídeo que se segue, preparado pela FOX, são apresentados detalhes do início da reconstrução do viaduto:


http://www.vimeo.com/5703956

julho 22, 2009 at 2:42 pm Deixe um comentário

Três brasileiros estão entre os seis mortos no incêndio em Londres – 03.07.2009

Rolos de fumaça na lateral do prédio indicam o alastramento do sinistro.Um sinistro de grandes proporções  atingiu o edifício Lakanal House, situado no bairro de Camberwell, sul de Londres, por volta das 16h10 (ou 12h10 de Brasília) de sexta-feira dia 3 de julho de 2009.

Dezoito carros de combate a incêndio foram enviados ao local e mais de cem bombeiros combateram o incêndio no prédio de 12 andares, disse o porta-voz dos bombeiros.

“Alguns resgates foram realizados em circunstâncias extremamente difíceis e O incêndio atingiu vários andares do edifício.bombeiros equipados com aparelhos de respiração de longa duração trabalharam arduamente para chegar aos que foram afetados pelo incêndio e seguiu-se uma busca detalhada do edifício”, afirmou o porta-voz.

O Subcomissário do Corpo de Bombeiros de Londres, Nick Collins, referiu-se assim sobre este incêndio: “será uma dos mais importantes sinistros de Londres durante algum tempo”. Ele acrescentou que bombeiros chegaram ao local, em cinco minutos, mas tiveram que enfrentar condições operacionais “muito difíceis”.
Vários moradores disseram que o complicado esquema de apartamentos fez com que o processo de evacuação do edifício fosse muito difícil.

O prédio, de propriedade municipal, foi construído nos anos 60 e tem 108 apartamentos. As causas do incêndio ainda são desconhecidas.

Três brasileiros estão entre os seis mortos em um incêndio que atingiu um prédio residencial no sul de Londres, na sexta-feira dia 3 de julho de 2009.

15329058Segundo a polícia londrina, as vítimas brasileiras eram do Paraná e pertenciam à mesma família: Dayana Francisquini Cervi, 26, e seus dois filhos, Thaís, 7, e Filipe, 3. No momento do acidente, o marido de Dayana estava no trabalho.

Outros dois adultos e um bebê de três meses morreram. Cerca de 30 pessoas foram resgatadas e 13 foram levadas ao hospital com dificuldades de respiração por conta da fumaça.

Impedidos pelos bombeiros de entrar no edifício em chamas, parentes dos que ficaram presos em suas casas no momento da tragédia aguardavam notícias.

Entre eles estava Rafael Cervi, 31, marido de Dayana e pai de Felipe e Thaís.

Rafael ainda conseguiu falar com Dayana pouco antes da morte dela, quando se trancara junto com os filhos para se proteger da fumaça.

“Ela estava calma porque não queria assustar as crianças. Ela estava com uma voz triste, estava tentando permanecerBombeiros vasculham os escombros a busca de vítimas. no controle, mas estava muito assustada”, afirmou Rafael, em declarações reproduzidas pela imprensa britânica.

“As crianças estavam quietas, em silêncio. Foi a última vez que falei com ela.”

Na sábado à noite, Rafael estava “inconsolável”, na descrição dos diários. “Eles eram toda a minha vida. Agora tudo está perdido e eu não tenho nada.”

A BBC divulgou o registro do sinistro feito por um cinegrafista amador:

julho 8, 2009 at 6:40 pm 1 comentário

Vagão com GLP descarrila e explode – Viareggio – Itália -29.06.2009

Localização de Viareggio, Lucca - Italia

Localização de Viareggio, Lucca – Italia

Chamas engoliram parte da estação ferroviária e de casas próximas em Viareggio, região de Lucca, no norte da Itália, segunda-feira, 29 de junho de 2009. Um comboio ferroviário de carga, que transportava GLP, descarrilou no meio da noite no norte da Itália, causando uma explosão e um incêndio. Que provocaram a morte de pelo menos 16 pessoas e mais de 100 feridos enviados para o hospital, muitos deles com queimaduras graves, segundo informações oficias. Mais de 1000 pessoas tiveram que ser evacuadas. O comboio com 14 vagões trem estava viajando da cidade de La Spezia para Pisa, quando um carro da retaguarda com o descarrilamento encravou-se em um bairro residencial ao lado da estação de trem na cidade de Viareggio na costa da Toscana pouco antes da meia-noite de segunda-feira, seguindo-se uma grande catástrofe. Como registrado pela TV Italiana:

O Ministro dos Transportes da Itália, Altero Matteoli, em relatório feito ao Congresso Italiano informou que uma falha no eixo em um dos vagões que transportam gás liquefeito causou o desastre ferroviário no norte da Itália. O Ministro disse que uma pequena rachadura e vestígios de ferrugem foram encontrados no eixo do vagão que provocou o descarrilamento, trazendo outros vagões fora dos trilhos no momento que o trem passava pelo centro da cidade. Os sinais encontrados no eixo são típicos de fadiga dos materiais.

Como a imprensa italiana criticou a aparente falta de medidas de segurança, Matteoli disse que já tinha entrado em contacto com o Comissário dos Transportes da União Européia, Antonio Tajani. Ele informou que eles haviam discutido tornar mais apertada a regulamentação sobre o transporte de materiais perigosos.

Reportagens em jornais referiram-se a dois outros incidentes recentes de trincas em eixos de comboios ferroviários que não tiveram conseqüências graves, enquanto o La Repubblica se queixou que a manutenção e os controles são feitos somente de forma auto-regulada. Este periódico complementou dizendo que “As catástrofes, devido à falha de equipamentos obsoletos costumam acontecer no Terceiro Mundo, mas agora há Viareggio,”.

O procurador Beniamino Deldda disse, “Este acidente não é o fruto do acaso, mas de omissões, que serão cuidadosamente examinadas.”

Brigadas do Corpo de Bombeiros (Vigili Del Fuocco) trabalharam durante a noite para retirar o restante da carga volátil dos vagões do comboio de carga. Na quarta-feira pela manhã seis dos 13 vagões de gás restantes tinham sido descarregados em segurança, mas a operação de transbordo de todos os vagões prosseguiu durante todo o dia. As autoridades locais mantiveram cerca de 300 moradores afastados de suas casas como medida de segurança, até o fim deste procedimento. O alcance desta catástrofe pode ser visto nas fotos apresentadas abaixo:

[Visualização do primeiro  vídeo desta matéria restabelecida e. 09.05.2013]

julho 2, 2009 at 4:19 pm 1 comentário


julho 2009
S T Q Q S S D
« jun   ago »
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031  

Blog Stats

  • 85,491 hits

Tópicos recentes

Páginas

mais acessados

  • Nenhum