Archive for maio, 2009

Incêndio destrói galpão da CEASA em Maracanaú, Região Metropolitana de Fortaleza, Ceará – 24.05.2009

No dia 24 de maio de 2009, domingo, um incêndio destruiu o galpão onde ficam 20 distribuidoras de alimentos na CEASA, em Maracanaú, Região Metropolitana. Os bombeiros ainda não sabem dizer o que provocou o fogo.

Um galpão inteiro ficou destruído pelo fogo. Toneladas de alimentos foram perdidas no incêndio: cereais, temperos e doces, além de uma grande quantidade de produtos que ajudaram a aumentar a chama como óleo, bebidas alcoólicas e plástico. Seis carros dos bombeiros foram chamados. O incêndio aconteceu no domingo, único dia em que o comércio não funciona na CEASA. As 20 lojas do galpão estavam fechadas quando o fogo começou, por volta de 10h30min.

Segundo os bombeiros, o fogo iniciou no meio do prédio, o que dificultou o acesso às chamas. A fumaça encobriu a CEASA. O fogo só foi controlado uma hora e meia depois da chegada do socorro. Os donos de comércios do galpão ficaram desesperados ao ver toda a mercadoria perdida. “Deus vai dar um jeito de eu recuperar tudo de novo”, afirmou o comerciante Valdeci Freitas.

A comerciante Francisca Mendes diz que agora vai ter que recomeçar do zero. “Tinha uns R$ 120 mil de mercadorias. Eram três pontos, tudo lotado de mercadoria, em cima e em baixo”, lamentou.

O secretário de Desenvolvimento Agrário foi acompanhar de perto o trabalho dos bombeiros. Segundo ele, ainda não é possível calcular o tamanho do prejuízo. “É lamentável o ocorrido, esse incêndio”, declarou Camilo Santana.

O presidente da CEASA tentou tranqüilizar os comerciantes. Disse que o prédio tem seguro e vai fazer o possível para ajudar a reerguer os negócios. Segundo ele, a CEASA já tinha planos para retirar as distribuidoras do local. “Nós já estamos dando todo o apoio necessário. Em momento algum vamos parar a comercialização aqui”, informou Reginaldo Moreira.

Durante a tarde do domingo, os bombeiros trabalharam no rescaldo do galpão. A Polícia vai investigar as causas do incêndio. “A gente vai aguardar a perícia técnica pra divulgar o laudo daqui a 10 dias”, disse João Vasconcelos, coronel do Corpo de Bombeiros.

O valor dos prejuízos será divulgado depois de uma reunião com os donos das distribuidoras e a direção da CEASA, marcada para dia 25 de maio de 2009.

Veja material preparado pela TV Verdes Mares:

Anúncios

maio 27, 2009 at 5:22 pm Deixe um comentário

Luz do sol magnificada: provável causa de incêndio em Bellevue – risco de incêndio mais recente – tigelas d’água de cães -17.05.2009

Histórias de análise de Risco: esta veio da cidade de Bellevue, estado de Washington, USA. Uma coincidência inusitada, envolvendo uma inocente tigela de água para cães de vidro, é atribuída como causa de um sinistro em uma casa. Um novo capitulo para os imponderáveis na análise de risco, se bem que vários incêndios florestais são atribuídos à garrafas jogadas no mato que concentram e magnificam a luz solar provocando o início de incêndios…

Nas aulas de ciências no colégio todos nós aprendemos como uma lente de aumento pode concentrar a luz solar e iniciar um incêndio. Investigadores de incêndios acreditam que a luz do sol brilhando através de uma tigela de vidro cheia de água pode ter feito a mesma coisa.

A parte de trás de uma casa de madeira de Bellevue está em ruínas carbonizadas depois de um bizarro fogo no domingo à tarde, dia 17 de maio de 2009, quando as temperaturas estavam por volta de 70ºF (aproximadamente 22ºC).

Bombeiros puderam rastrear a origem que convergiu para um determinado local no deck nos fundos da casa.
“Os pesquisadores foram capazes de refinar a pesquisa para um local específico”, disse Eric Lt. Keenan do Corpo de Bombeiros de Bellevue. “Mas quando eles analisaram aquele local constataram que não havia dispositivos elétricos, nada que possa que pudesse conduzir a uma causa óbvia.”

A única coisa que havia por lá era uma tigela de vidro para água de cachorro, cheia de água colocada sobre um suporte apoiado no deck de madeira.

“Quando você olha para o objeto, conclui que aquilo poderia realmente ter tido as características ópticas para agir como uma lupa e no domingo, ao meio-dia, ter iniciado o fogo no deck”, disse Keenan.

Keenan disse que ele nunca tinha visto uma casa pegar fogo desta maneira antes. O sol, a água, o vidro da jarra e as madeiras do deck teriam que estar perfeitamente alinhados, mas parece que é exatamente o que aconteceu.

“É tão incomum, que na verdade não seria razoável pedir às pessoas para mudar os seus hábitos. Se esta foi a causa, foi apenas um conjunto de circunstâncias bastante inusitadas.”

Foi um incêndio devastador para os proprietários da casa. Ele causou danos de mais de US $ 200.000.

Assista ao vídeo (em inglês) preparado pela KONG TV, de Seattle, Washington, USA:

maio 20, 2009 at 2:38 pm Deixe um comentário

Milhares de funcionários evacuados quando o fogo atingiu o edifício do Quartel General da União Européia em Bruxelas – 18.05.2009

Fogo-CE-Bruxelas-01Milhares de funcionários foram evacuados após um incêndio obrigou o fechamento da sede da Comissão Européia no edifício Berlaymont, em Bruxelas no dia 18 de maio de 2009.

Fumaça saiu do telhado do edifício depois que um incêndio eclodiu em uma área técnica contendo cabos elétricos.
Não foram relatados feridos após da evacuação de emergência ocorrida na hora do almoço.

O enorme edifício em forma de estrela, no coração do quarteirão da União Européia em Bruxelas que abriga milhares de funcionários foi cenário de um importante incidente com fogo.
Houve confusão inicial quanto à origem do fogo depois que os sistemas de ventilação transportaram fumaça do telhado do edifício para o porão.
Fogo-CE-Bruxelas-02Os andares mais baixos foram vistos sendo tomados pela fumaça; na área de imprensa da Comissão Européia a fumaça foi observada 20 minutos antes que o alarme de incêndio atuou.

Não houve uma explicação imediata sobre o que possa ter causado o incêndio.

José Manuel Durão Barroso, Presidente da Comissão, juntamente com Joaquin Almunia e Neelie Kroes, comissários de economia e da concorrência, respectivamente, foram escoltados para fora do edifício por pessoal de segurança e policiais.

Fogo-CE-Bruxelas-03“Não houve pânico”, disse a senhora Kroes.

Os 240.000 m² do bloco de escritórios em Berlaymont, construído em 1976, foi reaberto em 2004 na seqüência de uma controvertida remodelação que durou 13 anos e que custou aos contribuintes 487 milhões de libras esterlinas.

Veja vídeo da REUTERS divulgado em português pelo UOL:

[Visualização do vídeo restabelecida em 09.05.2013]

maio 19, 2009 at 8:09 pm Deixe um comentário

Bombeiros da Califórnia iniciam a prevenção contra incêndios florestais de verão – 12.05.2009

Em todos os verões, milhares de pessoas que vivem no sul da Califórnia, especialmente nos lugares próximos às florestas, estão expostas a possíveis incêndios. Por isso, as autoridades americanas começaram a trabalhar na prevenção de queimadas. Em novembro de 2008, um incêndio arrasou 489 casas de luxo na localidade de Sylmar. Apesar dos quase 1.100 bombeiros terem lutado horas contra o fogo, o desastre ficou registrado como a pior perda de imóveis na história da cidade.

Enquanto não surge algum meio mais eficaz para o combate de fogos florestais, bombeiros californianos preparam seus equipamentos e fazem campanhas de esclarecimento e orientação para moradores de áreas de risco. Os incêndios mais fortes são previstos para o verão do hemisfério norte.

As dicas que os bombeiros passam aos moradores são importantes, podem salvar vidas e patrimônio e se adaptam à situação aqui no Brasil também.

Em todo o mundo incêndios florestais são um desfio muitas vezes perdido pelos bombeiros. Apesar de que em alguns países haja meios de combate sofisticado, com apoio terrestre e aéreo, ainda não surgiu um sistema mais eficaz contra a violência dos incêndios florestais que, via de regra, consomem vastas áreas de floresta não respeitando o patrimônio e as vidas de moradores e animais…

Vejam material preparado pela EFE:

maio 13, 2009 at 12:25 pm Deixe um comentário

Incêndio florestal em Spryfield, ao sul de Halifax, Nova Escócia, Canadá – 30.04.2009

fogo-visto-de-northwest-armUm grande incêndio florestal em Spryfield na zona sul da cidade Halifax forçou mais de 1000 pessoas a fugir das suas casas no dia 30/04/2009.

O Serviço Regional de Bombeiros de Halifax confirmou que tinha evacuado cerca de 300 casas ao longo de uma secção com 20 ruas em Spryfield onde bombeiros combatiam um incêndio de grande monta.

Em uma das respostas de uma conferência de imprensa ocorrida na noite do dia 30 de abril o porta-voz do Departamento de Bombeiros de Halifax, Lloyd Currie, disse ao se referir sobre a ação do município no caso: “O que significa é que o fogo está avançando muito rapidamente. Há dois helicópteros no ar agora, vários equipamentos de combate e bombeiros em ação”.

A porta-voz da Municipalidade Regional de Halifax, Shaune MacKinlay, disse que aquela municipalidade tinha inicialmente criado um centro de evacuação no Centro de Lazer de Chocolate Lake, mas decidiu movê-lo para o Centro Capitain William Spry, que tinha condições de oferecer mais conforto para os evacuados. A Cruz Vermelha também foi lá para ajudar os residentes, aduziu MacKinlay.

O Departamento de Recursos Naturais da Nova Escócia requisitou apoio aéreo adicional de New Brunswick para ajudar  as equipes de bombeiros a combater o fogo.

area-devastada-vista-do-helicopteroO diretor do Serviço de Proteção Florestal, Walter Fanning, informou na noite de 30 de abril: “Neste momento, temos três dos nossos helicópteros em ação. Nós também chamamos aviões tanque de New Brunswick. Estas são aeronaves de asas fixas. Eles transportam uma razoável quantidade de água, e nós temos três equipamentos deste tipo, há mais um Cessna L-19/O-1 (cujo apelido é Bird-Dog Aircraft).”

Os helicópteros podem colher a água de lagos e lagoas na área, enquanto as novas equipes de Brunswick irão aterrissar no Aeroporto Internacional Stanfield para reabastecer os seus tanques de água, disse Fanning.

A maior parte das 1200 pessoas forçadas a abandonar suas casas de Halifax regressou na sexta-feira, dia 01/05/2008 – alguns tendo que enfrentar os danos e destruição causada pelo fogo que se alastrou através da sua comunidade.

Autoridades dos Bombeiros creditaram a um dia inteiro de chuva como tendo sido um fator importante para que o fogo fosse colocado sob controle.

Uma ordem de evacuação permaneceu para apenas três ruas, o que significa cerca de 40 casas das 427 que tinham sido evacuadas permaneceram fora de limites. Mas esperava-se que mais pessoas retornariam a suas casas mais tarde, à noite.

destruicao-em-purcells-cove-roadOito casas foram destruídas no incêndio e outras 10 foram danificadas. Não foram reportados maiores danos à pessoas, mas funcionários disseram que dois gatos e um cão pereceram.

Autoridades dos Bombeiros não disseram o que causou o incêndio, mas elas disseram que o fogo se espalhou rapidamente devido a rajadas vento e ao mato seco caído devido ao furacão Juan, em 2003.

maio 2, 2009 at 11:53 pm Deixe um comentário


maio 2009
S T Q Q S S D
« abr   jun »
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031

Blog Stats

  • 84,434 hits

Tópicos recentes

Páginas