Archive for outubro 11, 2007

Fogo no terminal de armazenamento de combustíveis de Buncefield em Hertfordshire – Inglaterra – 11.12.2005

Às 6:03 horas do dia 11 dezembro 2005 uma série de explosões e de fogos subseqüentes engolfou o depósito de combustíveis de Buncefield em Hemel Hempstead, a 40 quilômetros de Londres.

O depósito, operado pela Total e pela Texaco, fornecia para o aeroporto de Heathrow entre outras instalações principais na área.

Este incêndio foi descrito mais tarde como o maior ocorrido na Europa desde a Segunda Guerra Mundial.

Aproximadamente 250 bombeiros, 26 bombas de combate ao fogo e 20 veículos da sustentação combateram as chamas, que duraram diversos dias. Um conglomerado de propriedades de negócios nas proximidades do depósito de combustíveis sinistrado sofreu os danos físicos severos. A integridade estrutural de muitos dos edifícios no local foi posta em dúvida depois da explosão inicial. Mesmo edifícios situados a distâncias superiores a 800 metros do local foram danificados. Os seguradores enfrentaram milhões de libras em perdas.

A explosão sozinha registrou o valor 2.4 na escala de Richter! E o seu ruído foi ouvido do outro lado do Canal da Mancha, na França e na Holanda. Vejam algumas fotos desta catástrofe: 

 

Após uma série de especulações que incluíram a ocorrência de um atentado com o uso de um avião de pequeno porte, visto que o depósito atingido é atravessado por várias rotas aéreas e se localiza próximo a aeroportos a causa real foi determinada. A comissão de investigação oficial chegou à conclusão que a chave bóia de enchimento de um dos tanques emperrou e permitiu que fosse bombeada gasolina por 40 minutos num tanque que já estava cheio. 

Adicionalmente e concomitantemente um mecanismo de prevenção de transbordamento de combustível que deveria também emitir uma sinalização de alarme para a sala de comando central do depósito falhou. A nuvem de vapor conseqüente que se criou sobre a área do depósito de combustível foi a origem da terrível explosão inicial que se alastrou por mais de um quilômetro no entorno da área adjacente. 

Este acidente certamente ficará nos anais da história de combate a incêndio, controle de catástrofe, especificação de seguro, realização de planos de emergência de empresas, rotinas de segurança de dados, consideração de riscos por lucros cessantes de empresas localizadas próximas a depósitos de combustíveis deste tipo, e assim por diante. O leque de considerações decorrentes deste acontecimento é muito amplo dado às repercussões, técnicas, econômicas, sociais e ambientais decorrentes do fato.  

Neste inferno todo que durou vários dias mais de 40 pessoas foram feridas, mas por sorte não se contabilizaram casos fatais.

 

 

Abaixo uma reportagem de uma emissora local sobre esta catástrofe:

 

 


[Vídeos originalmente armazenados no Google Vídeo (desativado) restabelecidos com cópias do Youtube em 05/06/2013]

 

outubro 11, 2007 at 12:53 am 3 comentários


outubro 2007
S T Q Q S S D
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031  

Blog Stats

  • 94.768 hits

Páginas